WordPress 3.7 “Basie” (também em português)

A versão 3.7 do WordPress, “Basie” em honra de Count Basie, já está disponível para download ou para actualização na administração do WordPress. Esta release apresenta algumas das mais importantes actualizações na arquitectura do WordPress que foram feitas até hoje. E as maiores são:

  • Actualizações enquanto dormes: com o WordPress 3.7, não tens de mexer uma palha para fazer actualizações de manutenção e de segurança. A maioria dos sites conseguem agora fazer estas actualizações automaticamente em segundo plano. O processo de actualização também foi tornado mais fiável e seguro, com dúzias de novas verificações e salvaguardas.
  • Recomendações de senhas de segurança mais robustas: a senha é a primeira linha de defesa do site. É preferível criar senhas complexas, longas e únicas. Foi com esse fim que no WordPress 3.7 foi actualizado o medidor de senhas, para reconhecer erros comuns que fragilizam a segurança da senha: datas, nomes, padrões de teclado (123456789) e até referências populares.
  • Melhor suporte global: as versões localizadas do WordPress vão receber traduções mais completas e mais rápidas. O WordPress 3.7 passa a suportar a instalação automática dos ficheiros de língua correctos e a sua actualização permanente, uma vantagem para os muitos milhões que usam o WordPress noutra língua que não o inglês.

Para os developers há muitas opções em volta do controlo das novas funções de actualização, incluindo a permissão para lidar com as actualizações principais para além das secundárias, um suporte mais sofisticado da query de data e aperfeiçoamentos no multissite. Se queres saber mais, é só mergulhar no Codex ou navegar entre os mais de 400 tickets concluídos no Trac.

A New Wave

Esta versão foi conduzida pelo Andrew Nacin, apoiado pelo Dion Hulse e o Jon Cave. É a primeira em que usamos o novo processo de desenvolvimento plugin-first, com um intervalo de tempo muito mais curto que antes. (A 3.6 foi lançada em Agosto.) A versão 3.8, prevista para Dezembro, continuará este ciclo de desenvolvimento orientado por plugins, que oferece muito mais autonomia aos responsáveis do plugin e permitem-nos separar o desenvolvimento de funcionalidades das versões. Se quiseres podes seguir esta grande experiência, e o que ela nos tem ensinado, no blog make/core. Há 211 contribuidores que merecem o destaque por esta versão:

Aaron Brazell, Aaron D. Campbell, Aaron Holbrook, Aaron Jorbin, adamsilverstein, Alexander Hoereth, Alex Mills (Viper007Bond), Amy Hendrix (sabreuse), andg, Andrew Nacin, Andrew Norcross, Andrew Ozz, Andrew Spittle, askapache, atimmer, Barry, Beau Lebens, ben.moody, Ben Miller, Bernhard Riedl, BFTrick, Billy (bananastalktome), bmb, Brandon Kraft, brianhogg, Brian Richards, Bryan Petty, Carl Danley, CharlesClarkson, Chip Bennett, Chouby, Chris Olbekson, Chris Rudzki, coderaaron, Coen Jacobs, Colin Robinson, cyonite, Daan Kortenbach, Daniel Bachhuber, Daniel Convissor, dartiss, Daryl Koopersmith, Dave Ross, David Laietta, Dion Hulse, dllh, Dominik Schilling (ocean90), dpash, Drew Jaynes, DrProtocols, Dustin Filippini, dzver, Edward Caissie, enej, Eric Andrew Lewis, Eric Mann, Evan Solomon, faishal, Faison, Foofy, Frankie Jarrett, Frank Klein, Gary Cao, Gary Pendergast, Gaya Kessler, George Stephanis, Gizburdt, goldenapples, gradyetc, Gregory Cornelius, Gustavo Bordoni, hakre, Helen Hou-Sandi, Ian Dunn, Ipstenu (Mika Epstein), itinerant, J.D. Grimes, jakub.tyrcha, James Collins, Jen Mylo, Jeremy Buller, Jeremy Felt, Jesper Johansen (jayjdk), Joe Hoyle, Joey Kudish, John Beales, John Blackbourn (johnbillion), John Fish, John James Jacoby, John P. Bloch, Jonas Bolinder (jond3r), Jonathan Christopher, Jonathan Desrosiers, Jon Cave, Jon Lynch, Joost de Valk, Joseph Scott, Josh Betz, Justin de Vesine, Justin Sainton, K.Adam White, Kailey (trepmal), Ketwaroo, kevinB, Kim Parsell, kitchin, Konstantin Kovshenin, Konstantin Obenland, koopersmith, Kurt Payne, Lance Willett, Lee Willis (leewillis77), lessbloat, Lew Ayotte, Luke Gedeon, Marcin Pietrzak, Marco Cimmino, Marco Galasso, Mark Jaquith, Mark McWilliams, Marko Heijnen, Mel Choyce, Michael Beckwith, Mike Hansen, Mike Schinkel, Mike Schroder, Milan Dinic, mitcho (Michael Yoshitaka Erlewine), Mr Papa, Naoko Takano, Naomi, Nashwan Doaqan, NateJacobs, nathanrice, Niall Kennedy, Nick Daugherty, Nick Halsey, Nick Momrik, Nikhil Vimal (NikV), Nikolay Bachiyski, noahsilverstein, nofearinc, nukaga, nullvariable, Oleg Butuzov, Paolo Belcastro, Parham, Paul Biron, Paul de Wouters, pavelevap, peterjaap, Peter Westwood, Philip Arthur Moore, Pippin Williamson, plocha, Pollett, Ptah Dunbar, Rami Yushuvaev, Rasheed Bydousi, RayBernard, rboren, Reuben Gunday, rfair404, Richard Tape, Rick Radko, Robert Chapin, Robert Dall, Rodrigo Primo, Ron Rennick, rpattillo, Ryan Boren, Ryan McCue, Sam Hotchkiss, Scott Reilly, scottsweb, Scott Taylor, scribu, scruffian, Seisuke Kuraishi (tenpura), Sergey Biryukov, ShinichiN, Simon Prosser, Simon Wheatley, Siobhan, Siobhan Bamber (siobhyb), sirzooro, solarissmoke, Stephanie Leary, Stephen Edgar (@netweb), Stephen Harris, strangerstudios, sweetie089, swissspidy, Takayuki Miyauchi, Takuma Morikawa, Taylor Lovett, tivnet, TobiasBg, Tom Auger, toscho, Travis Smith, Ulrich Sossou, vericgar, Vinod Dalvi, Weston Ruter, wikicms, Will Norris, Wojtek Szkutnik, wycks, Yoav Farhi, and Yuri Victor.

Esta pode ser uma das últimas actualizações manuais, goza-a bem… Vemo-nos em breve na 3.8!

Foto de Count Basie no Joe College, em 1961 (Duke University Archives)

2 pensamentos sobre “WordPress 3.7 “Basie” (também em português)

  1. Não sei o motivo, mas esta notícia é falsa… 🙂

    Tanto o download a partir do site pt.wordpress,com como a actualização a partir do painel de administração não encontram a versão pt_PT do WordPress 3.7. No painel de administração apenas me é proposta a actualização para o 3.7 en_US…

    Há previsões de quando estará disponível a versão 3.7 em Português Europeu?

Deixar uma resposta