Novo plugin PT Variants permite escolher a versão de português que queremos no WordPress

Chama-se PT Variants e é um plugin acabado de chegar ao repositório do WordPress.org. É da autoria do WordPress Portugal, de Marco Pereirinha e de Álvaro Góis dos Santos.

Simples, com apenas um ficheiro php e os ficheiros de língua, o plugin permite escolher a ‘variante’ de português que se pretenda utilizar.

Depois de carregado para a instalação WordPress, basta activar e escolher a versão que se pretende no separador Geral, no menu Opções. Nada mais há a fazer. Pode ser aplicado à administração e ao ‘frontend’ do website ou apenas a uma das vertentes.

Há três opções. Por omissão, fica definida a forma oficial, anterior ao acordo ortográfico e que já existe nas instalações do português de Portugal (pt_PT). O plugin introduz a versão que respeita o acordo ortográfico (AO90) e a do português informal, que já existe há alguns anos.

PT Variants

Estas novas versões são exportadas a partir do repositório oficial do WordPress (GlotPress). A versão AO90 é obtida pela conversão do texto pelo software Lince, do ILTEC.

Na informal nem todas as linhas estão traduzidas, por isso poderão ainda haver alguma mistura de versões.

O plugin teve na sua génese um outro plugin, o textdomain-overwrite, assinala Marco Pereirinha. O programador adianta que o princípio básico é a alteração em tempo real do ficheiro das traduções. As semelhanças ficam-se por aqui. “No caso do PT-Variants optámos por fornecer junto com o plugin os ficheiros da tradução, contornando assim as limitações ao nível do core na gestão das variações das línguas”.

Mais: “Uma vez que o WordPress diferencia as traduções da zona pública e da zona de administração das instalações, deixamos ao critério dos responsáveis pelas instalações o uso da versão oficial, da versão com o AO90 e ainda a versão informal para cada uma das zonas”.

O desenvolvimento não foi isento de desafios, em concreto com a gestão de memória mas o problema ficou resolvido.

Porquê?

“Fazer o plugin foi responder a um pedido que existia, de ter uma forma de o WordPress em português de Portugal cumprir o Acordo Ortográfico de 1990. Porque existem muitas instituições que insistem nesse ponto e, por mais resistentes que sejamos a aplicá-lo, essa necessidade, como já adivinhávamos em anteriores debates sobre o tema, começa a sentir-se com urgência.Ter esta opção como plugin também se deve a uma limitação em termos de variantes da língua. Não existindo variantes no português de Portugal, temas, plugins e o próprio WordPress só vão reconhecer uma versão do português pt_PT. Isso coloca-nos perante o dilema: eliminamos de vez a versão actual e tomamos a AO90 como oficial? E quem não usa e quer continuar a não usar, fica obrigado a mudar? E que direito temos nós de alterar a forma da língua em todas as instalações de WordPress pt_PT?”, salientou Álvaro Góis dos Santos, um dos autores do plugin.

O plugin tem de ser actualizado a cada nova versão do WordPress. O que implica três traduções para português a precisar de manutenção. Também validador da tradução portuguesa no GlotPress, Álvaro Góis prefere responder com uma questão: “Comparado com o processo de compreender as regras do Acordo Ortográfico de 1990 e de as aplicar? É canja!”.

Recorda que neste momento existe apenas um processo oficial de tradução, uma vez que a versão informal, também incluída neste plugin, tem sido obra praticamente de uma só pessoa, o Nuno Barreiro.

“Para já, a cada nova versão o que faremos é converter essa forma, offline, usando as ferramentas de conversão disponíveis e actualizando o plugin”, acrescentou.

Marco Pereirinha lembra que “a cada nova versão do core novas traduções são normalmente necessárias”. “Ainda que nem sempre as atualizações do plugin tragam melhorias ao nível do código de base, haverá a necessidade de actualizar as traduções”, regista.

A versão pt_PT por defeito continuará a ser a pré-AO90. Álvaro Góis assinala que este é um debate com uma dupla perspectiva. “Por um lado, há a discussão sobre se devemos alterar a forma da língua em todas as instalações de WordPress pt_PT actuais, mesmo que quem tenha essa instalação não decida sobre isso mais do que carregar num botão “actualizar”. Por outro, o próprio processo, ou seja, as ferramentas disponíveis, que nos permitem em poucos minutos gerar uma versão AO90 a partir do repositório oficial. Infelizmente não conhecemos qualquer ferramenta que permita fazer a conversão inversa, de AO90 para Português. Mas, como sempre, estamos abertos a sugestões”.

A alternativa seria um processo paralelo de tradução, em que AO90 e pré-AO90 convivessem no repositório, como acontece agora com a versão Informal. Depois entraria em campo o aspecto prático: “Não é exequível, com os recursos que temos, gerir duas traduções em paralelo. Uma das formas ficaria dependente das boas graças de alguns contribuidores. E creio, sinceramente, que essa opção não seria decente, não honraria qualquer das formas da língua portuguesa”.

Reconhece que “oferecer a possibilidade de aplicar o AO90 ao WordPress sob a forma de plugin não é uma solução perfeita. Mas é imediata”. O resto fica ao critério dos utilizadores.

O plugin aplica-se apenas ao texto do core do WordPress. E só funciona se a língua definida na instalação em causa for a pt_PT.

Um pensamento sobre “Novo plugin PT Variants permite escolher a versão de português que queremos no WordPress

Deixar uma resposta