RAISR

O Melhor da Semana N.º 160: Personalizador, APIs do WordPress, page builders, fotografia e WooCommerce

Andrey Savchenko fez um inquérito destinado a programadores experimentados em WordPress acerca do respectivo conhecimento das API do sistema. E concluiu que os problemas, à partida, estão mais no campo das ‘velhas’ API do que das novas.

Tudo o que querias perguntar sobre o WP-CLI (ou quase tudo) está aqui reunido.

O plugin Say What permite editar strings de texto sem mexer nos ficheiros do core do WordPress nem nos ficheiros de plugins. Já ultrapassou as 10 mil instalações. Para alguns casos pode ser uma boa alternativa ao Poedit (que não é um plugin mas uma aplicação que permite fazer traduções de forma profissional).

 

Personalizador e page builders

Definidos os três tópicos de desenvolvimento principal do WordPress em 2017, a REST API, o Editor e o Personalizador, Mel Choyce quer saber opiniões sobre aquilo que consideram ser uma boa experiência do utilizador na área da personalização. Ide lá dar as vossas opiniões.

Acerca do editor, Joen Asmussen pergunta o que acham que faz um bom editor. Ide lá também dar as vossas opiniões.

Há quem goste, há quem deteste. Certo é que os page builders vieram para ficar. E uma quota parte do crescimento do WordPress também se deve a estes plugins. Matt Medeiros aborda cinco erros que as pessoas fazem com eles.

A Google começou a utilizar uma nova técnica que permite melhores fotos com menor peso. Anunciado em Novembro, o RAISR – Rapid and Accurate Image Super-Resolution – funciona utilizando algoritmos com base em inteligência artificial, que preservam as formas e os detalhes originais da imagem. Resulta em melhores imagens em menor espaço.

Ainda falando em imagens, a Automattic lançou um plugin para exportar fotos do Lightroom para o WordPress.

WooCommerce e Stripe

Queres saber como construir a tua loja online à prova do futuro? O WooCommerce preparou um artigo sobre isso. Só não diz como evitar os problemas que o próprio WooCommerce cria no lançamento de cada nova versão base.

A pensar em usar Stripe no WordPress? Aqui ficam 4 formas de o fazer.

Tendências do design para 2017? Verde, modern retro, tipografia criativa e mais umas coisas.

 

Deixar uma resposta