Testar Gutenberg no WordPress

O Melhor da Semana N.º 182: Gutenberg, WordPress 4.9, WooCommerce, WordPress REST API

A versão 0.2.0 do plugin Gutenberg foi lançada no final da semana passada, com diversas novidades. Incluindo a possibilidade de acrescentar HTML personalizado.

O plugin daquele que será, no futuro próximo, o editor do WordPress tem sido testado de forma prolongada por muita gente, com diversas opiniões. Mas a maioria está ainda de pé atrás.

Chris Lema pensa que talvez não tenha percebido bem a experiência de criar com o Gutenberg. Matt Cromwell viu forças, fraquezas e manifestou alguns desejos. Eric Karkovac encontrou efeitos potenciais em temas e plugins.

Antony Agnel ficou com expectativas positivas. John Saddington viu que… o plugin está, de facto, em beta.

Amanda Rush também decidiu testar o Gutenberg e não ficou fã.

O Gutenberg deve chegar ao core do WordPress na versão 5.0.

WordPress 4.9

Enquanto decorrem os trabalhos para a 4.8.1, com a resolução de bugs, agendada para a última semana de Julho, está em perspectiva a 4.9, ainda sem data definida. Em todo o caso está mais perto dos 3 meses de distância do que dos 9 meses. Feitas as contas, é de esperar que seja lançada ainda este ano.

A equipa de marketing lançou um conjunto de inquéritos para reunir casos de estudo e dados de utilização por parte de diversas entidades. O objectivo é obter dados que ajudem a promover o WordPress.

E ainda…

O WooCommerce decidiu acabar com o desconto de 50% nas renovações de licenças de extensões.

O Wordfence implementou um sistema de alerta de plugins abandonados ou retirados do directório de plugins.

Criar uma página de definições usando a WordPress REST API.

A maior oportunidade na história do WordPress.

A ‘open web’ é importante.

Os princípios de código WordPress seguro.

Faz com que o teu plugin ou tema seja passível de tradução com o i18n.

 

Deixar uma resposta