WordPress 3.0, novas funcionalidades, como usar (Parte I)

Com a chegada do WordPress 3.0 apareceram novidades e melhoraram os actuais recursos para produzir um blog! Destacaram-se para já as possibilidades de alterar o fundo e cabeçalho do seu blog a partir do painel de administração, evitando o até hoje “normal” código “a martelo” em templates!

A pergunta que se impõe é: “E como faço isso?”. Pois bem, é para isso que cá estou! 🙂

Tudo começa com a adição e configuração de várias funções no seu ficheiro “functions.php

Fundos Personalizáveis

Para adicionar a um fundo personalizado no seu painel de administração basta, ao criar um template, invocar a chamada da função “add_custom_background” como no exemplo:

<?php
/**
* Adiciona a possibilidade de o background da página ser personalizado pelo painel de administração
*/
add_custom_background();
?>

Depois de adicionado o fundo, queremos dar também a possibilidade de escolher uma imagem de cabeçalho. Para isso basta seguir os procedimentos:

Criar e usar cabeçalhos próprios

<?php
/**
* Esta constante serve somente para definir o valor por defeito da imagem de cabeçalho
* É importante colocar o %s como prefixo pois ao ser passado internamente pelo printf este irá ser substituído pelo URL do template activo
* @var string
*/
define( 'HEADER_IMAGE', '%s/images/headers/header.png' );
?>

Depois, defina os valores de altura e largura:

<?php
/**
* Caso queira definir o WIDTH e o HEIGHT da imagem a partir de um post, lembre-se que terá de criar um filtro…
* ... mas isso é outra história...
* @var string
*/

define( 'HEADER_IMAGE_WIDTH', 900 );
define( 'HEADER_IMAGE_HEIGHT', 150 );

?>

No final… Invoque a função “add_custom_image_header” para dizer ao wordpress que tenciona usar esta funcionalidade no painel de administração:

<?php
/**
* O primeiro atributo é a função a ser executada na página,
* o segundo, é a função a ser executada no painel de administração
*/

add_custom_image_header( '', '' );
?>

Após ter habilitado o suporte a cabeçalhos personalizados, com os seus respectivos valores por omissão, queremos ter uma maior variedade de cabeçalhos para evitar estar sempre a fazer upload de um ficheiro, ou, por exemplo criar uma rotação aleatória de cabeçalhos. Para isso, teremos de registar os cabeçalhos que queremos usar. Note-se que existirá sempre a possibilidade de fazer upload de imagens próprias no futuro.

<?php
/**
*Define os headers disponíveis para a área administrativa
*É importante colocar o %s como prefixo do url pois ao ser passado internamente pelo printf, este irá ser substituído pelo URL do template activo
**/

	register_default_headers( array(
		'default' => array(
		'url' => '%s/images/headers/header.png',  //URL da miniatura
		'thumbnail_url' => '%s/images/headers/header-thumbnail.png', //URL da miniatura
		'description' => __( 'default', 'meutema' ) //Breve descrição do cabeçalh
	),'wordpress' => array(
		'url' => '%s/images/headers/header_wp.png',
		'thumbnail_url' => '%s/images/headers/header_wp-thumbnail.png',
		'description' => __( 'wordress header', 'meutema' )
	)
	) );

?>

Como utilizar estas funcionalidades no seu template:

Após ter seguido todos os passos, chegou a altura de colocar mãos à obra, e criar o template!

Para chamar os valores do fundo (custom background) terá de invocar as funções background_color() e background_image().
EXEMPLO:

<div id="custom" style="background-color:  <?php background_color()?>; background-image: :url('<?php background_image()?>');">Olá mundo!</div>

Para chamar os valores do cabeçalho personalizado terá de invocar as constantes HEADER_IMAGE_WIDTH, HEADER_IMAGE_HEIGHT e invocar a função header_image()

EXEMPLO:

<img src="<?php header_image(); ?>" width="<?php echo(constant('HEADER_IMAGE_WIDTH')); ?>" height="<?php echo(constant('HEADER_IMAGE_HEIGHT')); ?>" alt="O Meu header lindo de morrer!" />

Com estas bases, está pronto para explorar o seu blog, podendo-o personalizá-lo quase na totalidade no painel de administração.

No próximo tutorial irei abordar o tema “Posts Personalizáveis” (Custom Posts) , espero ter ajudado!!

Um pensamento sobre “WordPress 3.0, novas funcionalidades, como usar (Parte I)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *