Archive - plugin para revisões visuais de alterações num site WordPress

O Melhor da Semana N.º 135: WordPress 4.6, temas responsivos, plugins e i18n

O WordPress 4.6 Beta 1 está disponível para testes. Apesar de não trazer novidades significativas esta será uma versão importante por permitir limar muitas arestas, com a resolução de diversos problemas reportados.

O WordCamp Europa de 2016 terminou há pouco mais de uma semana e esta foi uma semana marcada por alguns dos seus reflexos, com diversos artigos publicados. Um dos tradicionais momentos do evento é a fase de perguntas e respostas com Matt Mullenweg. O co-fundador do WordPress não trouxe novas mas ficou espantado ao saber, por uma funcionária do Google, que 28% dos novos sites detectados pelo motor de busca continuam a escolher temas orientados para desktop e que não serão apresentados com qualidade em dispositivos móveis. Mullenweg acha que o design responsivo deve ser requerido para um tema figurar no repositório de temas.

Por falar nisso, Nick Schäferhoff elaborou um guia para transformar um tema não responsivo num responsivo.

Entretanto, a equipa de revisão de temas tem um plano de acção.

Tom McFarlin defende, de forma vigorosa, que os programadores devem escrever boas mensagens informativas quando fazem commits no Git. Já agora, eis como usar Git no desenvolvimento WordPress.

i18n

Estamos em 2016 e muitos autores de temas e plugins continuam a não trabalhar de forma adequada a internacionalização dos seus produtos. Carrie Dils preparou um guia para os deixar prontos para tradução.

Plugins

Mickey Kay criou um plugin que gera, de forma automática, imagens em estilo fotográfico de um site quando o seu conteúdo muda. É como o sistema de revisão de páginas e artigos mas numa vertente visual.
O plugin chama-se Archiver e é gratuito. Faz uso da Wayback Machine para guardar as imagens criadas. Funciona em artigos, páginas, tipos de conteúdo personalizado, categorias, etiquetas, taxonomias e utilizadores.

Depois de defender a realização de testes unitários aos plugins por parte dos seus autores, Camden Segal avança agora com uma opção técnica, a Dockunit.

Há ano e meio atrás, Thomas Maier lançou o Advanced Ads, um plugin premium. Agora olha para este período e aborda uma das tarefas mais importantes: o suporte.

E ainda…

Há procura de uma forma mais fácil de fazer a transição entre o back e o front end? Foi para resolver isso que Kellen Mace criou o WordPress Admin Switcher, uma extensão para Chrome.

Deixem de usar enumeração no WordPress.

WooCommerce já está em domínio próprio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *