O Melhor da Semana N.º 285: Conselho de administração do WordPress, Tumblr, WooCommerce e WCEU2020

A polémica proposta para actualizar de forma automática os sites WordPress para a versão 4.7, desde que estejam em versões anteriores, vai ser debatida amanhã, terça, no Slack do Make WordPress.

Depois de todas as polémicas, o Gutenberg começa a fazer os seus efeitos. Leonardo Losoviz escreve que estamos a chegar à época da renascença do WordPress.

Outra proposta: a criação de um painel de assessoria e aconselhamento para debater o futuro do projecto WordPress. Uma espécie de conselho de administração.

Automattic e Tumblr e Zero BS CRM

A Automattic, a empresa por detrás do wordpress.com, comprou o Tumblr.

O líder da empresa, Matt Mulenweg, co-fundador do WordPress, contou ao The Verge as razões para esta aquisição. No seu blog, Matt abordou o assunto da aquisição.

Ryan Sullivan considera que esta é uma boa notícia.

Na Vox diz-se que o Tumblr pode ganhar estabilidade.

A Wired diz que a Internet precisa do Tumblr.

A Columbia Jornalism Review pergunta se o WordPress com o Tumblr podem ser uma alternativa ao Facebook.

No TechCrunch pergunta-se qual será o futuro da plataforma.

Já Brian Krogsgard pergunta se o Tumblr é uma rede social.

A Automattic comprou ainda a Zero BS CRM.

Temas e cimeira

A equipa de revisão de temas decidiu acabar com o programa de empresas autores de temas de confiança, o Trusted Authors Program, que tinha sido criado em Abril de 2018.

Entre hoje e sexta-feira decorre a The Great WP Virtual Summit, uma cimeira online que visa reunir diversos especialistas de diversos tópicos dentro do ecossistema do WordPress.

WooCommerce e outras coisas

Foi lançado o WooCommerce 3.7. Agora exige, como mínimos, o WordPress 4.9 e o PHP 5.6.

Aplicações de código aberto para profissionais WordPress.

Headless WordPress com Gatsby.

Mitos sobre os registos de actividade de alojamento WordPress.

A caminho do WordCamp Europa 2020

A caminho do WCEU 2020, que será no Porto, um grupo de voluntários vai fazer mais de 3000 km. de bicicleta entre Berlim e o Porto. O objectivo é nobre.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *